Antidemocrático como xingamento

5AlU5RYsEstas eleições vemos uma disputa interessante, além da tradicional competição de promessas entre os candidatos. Os dois lados se acusam de ser uma ameaça à democracia. Ouvimos alegações de que lutar para direitos específicos para algumas minorias seja “democrático” e defender direitos iguais; questionar noções como dívida histórica e livre migração seriam antidemocráticos. Toda ideia do adversário é rotulada como antidemocrática. E isso basta para deslegitima-la e não debater a questão no mérito. Continuar lendo “Antidemocrático como xingamento”

Eleições: epidemia branca?

unnamed
É dia eleições, filas nas urnas, mas todos os eleitores votaram em branco. Ninguém foi eleito, as eleições não são válidas, não se alcançou o quórum. A população está cansada e insatisfeita. A elite política é chocada, fala de “epidemia branca”, não sabe o que fazer. Isso nunca aconteceu!Tentam descobrir quem organizou tudo isso, entram em conflito com a população. Continuar lendo “Eleições: epidemia branca?”

O que fazer com votos brancos e nulos

spotniks.com_230 milhões de pessoas não votaram (21,1% do eleitorado), 1,9 milhões (1,71%) votaram em branco e 5,2 milhões (4,63%) votaram nulo, por um total de 37,2  pessoas do  eleitorado (27,4%). Consequência? Nenhuma. A elite política e o seu ordenamento jurídico não consideram validos estes comportamentos eleitorais. Continuar lendo “O que fazer com votos brancos e nulos”